.

Link-me!


Sábado, 15 de Maio de 2010

Nova História

Como já devem ter reparado o novo visual está implementado, feito pela Disney Channel Fan, à qual eu agradeço. A nova história tem como personagens principais Rosalie Hale, Alice Cullen (Twilight, New Moon, Eclipse e Breaking Down), Dean Winchester e Sam Winchester (Supernatural) que sao as minhas personagens preferidas do meu filme preferido e da minha série preferida! Mas depois eu explico isso melhor. A história ou vai vai ser narrada por todos (os 4) ou por nenhum, ainda nao decidi muito bem e é sobre amor sobrenaturalmente impossivel

Quanto ao visual... Verde, verde por que se passa em Forks e Forks é verde! E, para além disso, é uma cor que eu adoro... :) A música... Decidi por 2 das minhas musicas preferidas: Decode, dos Paramore, e Better Man, dos Pearl Jam. Porque são musicas que se edentificam muito com a história e são lindas - na minha opinião! Se acham que conhecem uma musica que se aplica a esta história, digam... Pode ser que eu ponha!

Só vou começar a postar a história daqui por uma ou duas semanas pois preciso de descançar um bocado disto e estou com muitos testes, com muita matéria, e um bocado dificeis, por isso é quase impossivel postar, de qualquer das maneiras, vou começando a escrever...

Ah, vou tentar postar MUITO nas férias de Varão, enquanto tenho tempo, mas nao sei se vou postar ou escrever muito em dias de Munfial, especialmente quando Portugal ou Espanha jogam... Eu sei que é estranho, mas é verdade!

 

Acho que é só! Comentem, digam o que vos parece a história - pelo pouco que sabem-, o que acham do visual, das musicas... Quero saber as vossas opiniões e sugestões!

 

:)

 

 

Fico à espera!

 

 

 

Ana Andradade

estou: Bemmm
a ouvir...: Pearl Jam - Better Man

Quinta-feira, 13 de Maio de 2010

Capitulo 17 - Ultimo (Parte III- ultima)

-Taylor Swift, acorda! Temos de ir. – Chamou a minha mãe.

-Oh mãe, porra, tem calma! São 7 da manhã.

-Eu estou calma, mas temos de estar no aeroporto daqui por 15 minutos.

-Ok, ok! Estou de pé! – Disse, levantando-me. – Mais ou menos!

-Anda lá despacha-te. – Berrou o meu pai!

-Ok, ok!

Vesti-me, tomei o pequeno-almoço e fui para o aeroporto.

-O que é que raio é que vocês estão aqui a fazer? – Perguntei a Taylor, Demi, Nikki e Selena. Enquanto os meus pais tinham ido tratar do check-in.

-Hmm… - Disse Demi.

-Nós viemos aqui para… - Começou por dizer Nikki.

-Para nos despedirmos de ti! – Completou Selena.

-Oh, não era preciso!

-Claro que era! – Disse Taylor.

Abracei todos e elas foram embora, porque tinham aulas nesse dia.

-Restamos nós… - Comentou Taylor.

-Ainda não tinha reparado! – Ironizei.

-Os teus pais não voltam?

-De onde? Espanha? Não sei…

-Não, do check-in!

-Ah, não sei… A fila estava enorme!

-E que tal aproveitarmos?

-Taylor, isto está cheio de gente. – Disse encostando-me a uma parede.

-E nós nunca mais nos vamos ver… - Disse-me, aproximando-se.

Toquei os seus lábios, na nossa eterna despedida, enquanto que ele encostava a sua testa à minha. Respirei fundo, interiorizando que aquela seria a última vez, que não havia volta a dar! Que o tinha de ser, tinha muita força! Voltei a beija-lo, desta vez apaixonadamente. Sem medos...

-Filha temos de ir! – Disse a minha mãe.

Descolei os meus lábios dos dele e sussurrei:

- Amo-te.

-Também te amo, mais do que tudo na vida e nunca me vou esquecer de ti, acredita! – Disse-me.

Beijou-me pela ultima vez, enquanto que uma lágrima me escorria pela cara, e que levemente, se apagou no nosso beijo. Soltei-me dele e andei para a minha mãe, não conseguindo não olhar para traz.

Entrei dentro do avião e acabei com a minha vida, para começar uma nova… Apenas com as memórias infinitas, as minhas memórias Americanas.

7 Anos depois.

Vivi durante 3 anos em Espanha, onde estudei – pela primeira vez - numa escola normal. Aprendi rapidamente a língua e adaptei-me, minimamente, bem aos meus colegas. Gostava deles e fiz amigos, mas nunca me esqueci de Demi, de Nikki e de Sel… Nem de Taylor. A minha vida lá era muito, mas mesmo muito mais extravagante, eu que sempre pensei que nós na América batíamos mal dos miolos. Em Madrid ia a festas todos os fins-de-semana, conheci pessoas que – neste momento – são famosas mundialmente e tornei-me adepta de uma coisa que nunca tinha percebido – futebol. No fim disso tudo tive uma irmã, à qual eu dei o nome de Demi, porque é que será?

Passados esses três anos vim para Londres onde estou, neste momento… A estudar.

Vidinha deprimente, eu sei! Mas é o que se arranja! Ainda hoje recordo cada momento, cada beijo dele, cada riso da Demi, cada piada de Nikki e cada parvoíce de Sel. Não que eu não goste da vida aqui, adoro! Assim, como adorava Barcelona. Acho-me mais Europeia que Americana, neste momento… É só que deixei tudo lá – as pessoas, principalmente, mas também a musica. Musica essa que me faz lembrar de tudo e que me dói!

Uf, já chega de memórias! Vou tomar o pequeno-almoço ao café, hábito que mantinha desde há 5 anos, todos os Domingos.

-Olá Mr. Gerrard!  -Disse, entrando no pequeno salão de chá, com ar antiquado.

-Olá menina Swift. É o costume?

-Sim, como sempre!

-Muito bem!

-Empregado novo?

-Sim, veio há um mês do Tennessee.

-A sério? Óptimo.

 Tennessee, a terrinha que eu tinha abandonado, ai que isto agora dói mesmo! L

-Olá. Bom dia! – Disse-me, o tal empregado, quando me veio servir, sorrindo. Eu conheço aquele sorriso, eu conheço aquela voz, aquele tom de pele… Fazia-me lembrar o Taylor.

-Bom dia!

Depois de tomar o chá e comer a torrada fui pagar.

-Quando estava a ir embora lembrei-me de perguntar ao tal empregado.

-Chama-se Taylor?

-Sim…

-Taylor Lautner?

-Sim… Taylor? És tu?

Sorri, com o maior sorriso de todos.

-Sim.

Abracei-o fortemente, quase a chorar. Andava muito sensível. Ele saiu do serviço passados uns 5 minutos e fomos dar um passeio pela cidade.

-Sabes uma coisa? – Perguntou-me.

-Não…

-Eu nunca te esqueci, podes-me chamar o que quiseres mas é verdade.

Não perdi tempo e beijei-o, já tinha perdido tempo que chegue em toda a minha, deprimente vida.

-queres namorar comigo, outra vez? – Perguntou-me.

-Sete anos depois… Sim! – Beijei-o, ele beijou-me e somos felizes! Até ao resto da nossa vida – Ou não!

 

 

Fim

estou: bem

.


. ver perfil

. adiciona-me como amigo

. 16 seguidores

.

 

.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.

. Blog Fechado

. Capitulo 4 "Plan"

. Capitulo 3 "Belive"

. Capitulo 2 "Stories"

. Capitulo 1 "Meeting"

. Prefácio "Hunt"

. Nova História

. Capitulo 17 - Ultimo (Par...

. Capitulo 17 - Ultimo (Par...

. Capitulo 17 - Ultimo (Par...

.

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008